CF: Leaving With Our Happiness (Aline Oliveira)

em segunda-feira, 6 de março de 2017 |

Desculpe pela imensa demora para entregar!

Como me pediu, dei várias dicas no decorrer da crítica, mas toas CONSTRUTIVAS. Lembre-se que nada dito aqui tem como intuito de te atingir de maneira negativa, mas sim te fazer melhorar.

Espero que goste da crítica. 
caso não, pode ficar a vontade para refazer o pedido. (-:


Até que ponto será que conseguimos manter uma falsa felicidade? A idéia de ser feliz não parece tão certa, é mais fácil encontrar motivos para chorar do que para sorrir às vezes. 
Max Caufield  é uma  garota sonhadora que mora em Seattle,  com seu namorado Warren, um garoto que ela conheceu na faculdade . Tudo parece bem, Max aparenta estar feliz ao lado de seu namorado mas por mais que ela tente negar toda a situação ela está completamente infeliz com a vida que leva. Quando sua mãe pede para Max ir ao acampamento de Joyce Price, com Warren, lá conhecem  a filha de Joyce, Chloe, uma garota rebelde, anti social e super sarcástica. 
A infelicidade pode ser notada em ambas as garotas, será que Max arriscaria perder seu namorado por uma verdadeira paixão por Chloe?

Aparência (capa + Sinopse): 3,0

Capa (1,5)
A capa, em uma fanfic, é de extrema importância, porque representa o rosto da sua história. Ela, juntamente com a sinopse, tem a responsabilidade de chamar os leitores. Eu amo a simplicidade da sua, de verdade, mas a imagem da Chloe está me incomodando um pouco. Talvez seja por causa do PSD que tirou o tom incrível do cabelo dela. Não sei exatamente te dizer. Mas eu tenho  impressão de que a fotografia dela não se encaixou tão bem com o restante. 
Nota: 1,0

Sinopse (1,5 )
Como eu disse anteriormente a sinopse também tem responsabilidade quando se trata de atrair leitores para sua história e, por isso, é vital que ela seja a melhor possível. Por esse motivo te aconselho a procurar alguém para revisá-la caso tenha dificuldade com isso.
No próximo tópico fiz algumas anotações sobre os erros e vícios ortográficos que percebi na sua fanfiction. Alguns deles se repetem na sinopse. 
Eu sei que não é possível passar esse trecho pela betagem, mas talvez levar a algum amigo ou professor seja uma solução. 
Ela não é ruim, de forma alguma. Entretanto, o excesso de repetição é bem incômodo. 
Se você corrigir isso, terá um bom trecho.
Nota: 0,5

Aparência: 1,5

Ortografia (4,0)
Bom, eu notei algumas coisas na sua escrita que não são tão bacanas e ideais, Abaixo seguem em tópicos algumas de minhas anotações:

► Sempre deixe o recuo antes dos parágrafos. Além de deixarem o texto esteticamente mais agradável, essa é uma das regras fundamentais da língua portuguesa que se deve pesar ao escrever qualquer textos, seja no papel ou digitalmente;

No word você consiguirá isso apertando a tecla Tab.

► Utilize travessões no início de diálogos e no meio deles também. Na realidade, esse símbolo, para ser mais exata, deve ser utilizado sempre que você quiser isolar algum trecho na história. Vou dar um exemplo para ficar mais claro:

“ Júlia era uma garota um tanto quanto perfeita — ao menos era o que pensava George — e jamais faria algo como aquilo.”

Mas lembre-se que travessão não é vírgula. Use com cuidado.

Segue abaixo a sugestão de correção de um trecho da sua fanfiction:

“ – Max? Max! - Warren me tirava…”

“ — Max? Max! — Warren me tirava…”

► Tente manter durante todo o texto um padrão de espaçamento.  É um ponto estético que pra alguns é besteira? Sim! Entretanto é muito incômodo ter tanta mudança de tamanho entre os parágrafos;

► Cuidado com a repetição de palavras. Em um trecho, você diz hoje, por exemplo, logo depois de já ter dito. Isso é prejudicial a leitura, então manere.
Claro que às vezes é proposital para dar ênfase. Eu entendo e uso bastante isso, todavia, é algo muito frequente no seu  texto, o deixando cansativo;

“Havia esquecido que era hoje, hoje vamos acampar.”

► Você utiliza reticências (...) indevidamente. No Point of View da Chloe aparece muito essa simbologia sem realmente ser necessário;

► O verbo fazer e o verbo haver, quando relacionados a tempo, não vão para o plural;

“Faziam no máximo vinte minutos que estávamos andando…”

“Fazia, no máximo, vinte minutos que estávamos andando…”

► Procure não misturar tanto os tempos verbais. No próprio trecho listado acima, a personagem principal narra no futuro que estavam a caminho do local. No parágrafo seguinte, no presente que estão chegando. Você utilizou  estávamos e em seguida estamos. Busque sempre seguir um padrão de narração para evitar a confusão do leitor;

► O verbo haver raramente será utilizado no plural. Essa regra não é muito meu forte, mas creio que toda vez que ele tiver sentido de existir se manterá no singular;

“Haviam árvores bem altas…”

“Havia árvores bem altas…”

► Há algumas palavras sem acentuação;

“... sai e deixei ele…”

“... saí e deixei ele…”

► O verbo fitar significa  olhar fixamente para alguma coisa;

“Fiquei alguns segundos a fitando com os olhos…”

Percebe que essa frase está completamente redundante?

► Não se prenda tanto ao verbo dizer. Seguem abaixo algumas outras palavras a serem utilizadas:

Falar
Responder
Replicar
Questionar
Indagar
Perguntar
Afirmar
Redarguir
Criticar
Expressar
Exclamar
Comunicar
Resmungar
Retrucar
Articular
Proferir
Relatar
Expor

► Utilize sempre travessões quando se tratar de falas e não esqueça de isolar o vocativo — chamamento, a quem o falante se refere —  com vírgulas;

“ “Vamos lá Max, encaixe essa peça aqui “...”

“ — Vamos lá, Max, encaixe essa peça aqui. — ...”

Bom, acredito que foram anotações o suficiente, não? 
Eu realmente senti que você precisa de ajuda no quesito escrita, então procure por betas e leia um pouco sobre essas regras ortográficas que citei. 
Nota: 1,5

Crítica Final (3,0)
Seu enredo é bem interessante. Não sei dizer ao certo se é original ou clichê, pois não conheço essa categoria. Para ser completamente honesta, nunca tinha sequer ouvido falar. Todavia é uma boa história. Isso digo seguramente,  mesmo não sendo meu tipo favorito considerando que não leio fanfics homossexuais. 
Não me senti tão fã das suas personagens. Elas sim me parecem clichês. Uma garota revoltada que não se dá bem com o padrasto e uma que parece ter tudo, mas não é exatamente feliz com a vida. Talvez você apenas esteja seguindo o que as personagens já são, contudo, sinceramente, elas não me entusiasmaram. 
Sua escrita tem alguns problemas, é verdade, entretanto não é ruim. Ela é pesada, devo comentar. Os erros que você comete com certa frequência tornam a leitura cansativa e não tão estimulante. Afirmo do ponto de vista de leitor, sem levar em consideração meus próprios gostos. 
dica de amiga: 
Cuidado com a narração em primeira pessoa! A maneira como a Max narra a história talvez esteja desgastando demais o Warren. Esse é um dos cuidados que se deve tomar quando se trata de narração em primeira pessoa. A visão que a quel personagem tem das outras personagens é a que vai ficar pro leitor. Leve isso em consideração
Nota: 1,0

Nota Final: 4,0

3 comentários:

Linne Ls08 disse...

Obrigada pela crítica, eu vou aprender com o tempo, o que eu mais temia era tornar essa Fanfic clichê, mas ela foge muito da obra do jogo que me inspirou a fazer.

Linne Ls08 disse...

Quando você diz que a minha escrita é pesada, o que quer dizer com isso?

HeyLife disse...

quero dizer que a maneira como escreve torna a leitura um pouco cansativa